Empresas do Grupo:

Como identificar infiltrações em uma construção?

Como identificar sinais de infiltrações em uma construção

Acima de tudo, as infiltrações são problemas comuns em edificações que, se não tratadas, podem causar sérios danos estruturais  e degradar a qualidade de vida dos ocupantes. Dessa forma, identificar infiltrações precocemente é crucial para manter a integridade e segurança de uma construção. 

Pensando nisso, preparamos este artigo com algumas dicas para reconhecer os sinais de infiltração e tomar medidas corretivas imediatas. Confira a seguir!

O que é uma infiltração?

Infiltração é o processo pelo qual a água penetra indevidamente nas estruturas de uma construção, como paredes, tetos e pisos, através de fissuras, poros ou defeitos nos materiais. Este fenômeno ocorre devido à pressão exercida pela água acumulada ou por sua capacidade de se mover através de materiais porosos. 

As infiltrações podem ser causadas por diversos fatores, incluindo chuvas intensas, vazamentos em tubulações, falhas no sistema de impermeabilização ou mesmo pela condensação de umidade dentro das estruturas. 

Independentemente da causa, elas são prejudiciais não só para a integridade física da construção mas também para a saúde dos ocupantes, pois promovem o crescimento de fungos e bactérias, além de poderem causar danos estéticos e estruturais sérios.

Leia também: Qual é a diferença entre vazamento e infiltração?

Quais os tipos de infiltrações?

Infiltrações podem ser classificadas de acordo com sua origem ou localização na estrutura. A seguir, confira os tipos mais comuns de infiltrações: 

  • Infiltrações Laterais: Ocorrem quando a água penetra através das paredes, geralmente devido a problemas na impermeabilização externa da construção. São comuns em áreas subterrâneas, como porões ou garagens. 
  • Infiltrações por Capilaridade: Acontecem quando a água se move para cima através dos materiais porosos das paredes e pisos por ação capilar. Esse tipo é mais visível em ambientes úmidos e pode causar a deterioração da base das paredes. 
  • Infiltrações de Teto ou Laje: São causadas por falhas ou ausência de impermeabilização adequada em tetos e lajes. Geralmente estão associadas a danos causados por chuvas ou acúmulo de água em superfícies planas. 
  • Infiltrações por Vazamento: Resultam de problemas em tubulações, como rupturas ou conexões frouxas, permitindo que a água escape e se infiltre nas estruturas adjacentes. 
  • Infiltrações por Condensação: Ocorrem quando o vapor de água presente no ar se condensa em superfícies frias, como paredes e janelas, especialmente em ambientes com má ventilação. 

De qualquer forma, identificar corretamente o tipo de infiltração é crucial para determinar a melhor forma de tratamento e prevenção, garantindo a longevidade e a segurança da construção.

Como identificar as infiltrações?

 A seguir, confira as principais maneiras de identificá-las em uma edificação.

1. Manchas de Umidade

Em primeiro lugar, um dos sinais mais evidentes de infiltração são manchas de umidade nas paredes, tetos e pisos. Estas podem aparecer como áreas mais escuras, ou mesmo com descascamento da pintura e deterioração do revestimento. As manchas muitas vezes se tornam mais escuras e maiores com o tempo.

2. Mofo e Bolor

O aparecimento de mofo e bolor é um indicativo claro de excesso de umidade. Geralmente, surgem em áreas escuras e úmidas, mas também podem se espalhar por roupas, móveis e objetos próximos às áreas afetadas. Além de serem prejudiciais à saúde, indicam a presença de umidade por um período prolongado.

3. Eflorescência

A eflorescência é um pó branco ou cristalino que se forma na superfície de paredes e pisos devido à evaporação da água que atravessa os materiais porosos. Este fenômeno indica não apenas a presença de umidade, mas também a possibilidade de que sais minerais estejam sendo transportados e depositados pela água.

4. Descolamento de Revestimentos

Infiltrações podem causar o descolamento de revestimentos como azulejos e papel de parede. Se você notar que esses acabamentos estão soltos ou com bolhas, isso pode ser um sinal de que a umidade está afetando a aderência.

5. Odores de Umidade

Frequentemente, infiltrações vêm acompanhadas de um cheiro característico de mofo ou umidade. Este odor pode ser particularmente perceptível em ambientes fechados e é um forte indicativo de que há excesso de umidade na área.

6. Deterioração de Madeira

Se a construção possui elementos de madeira, como vigas, molduras ou pisos, a presença de umidade pode levar a sua deterioração. Fique atento para madeira empenada, podre ou com fungos, o que pode indicar infiltração nas proximidades.

7. Testes de Umidade

Para uma identificação mais precisa, considera-se a realização de testes de umidade com equipamentos específicos. Medidores de umidade podem determinar o nível exato de umidade em paredes e pisos, ajudando a localizar a origem da infiltração.

Conclusão

Precisa de uma solução especializada? Entre em contato com a Montante Engenharia! Nossos profissionais estão prontos para avaliar e resolver eficientemente qualquer problema de infiltração, garantindo a durabilidade e segurança do seu espaço.

Infiltrações podem ser prejudiciais tanto para a estrutura da construção quanto para a saúde dos ocupantes. Identificar e tratar esses problemas o quanto antes é vital. Ao observar qualquer um dos sinais mencionados, é recomendável consultar um especialista para avaliar a situação e sugerir o tratamento mais adequado. Manter uma construção seca e bem conservada é a melhor maneira de garantir sua longevidade e segurança.

Rolar para cima